Pediatras pernambucanos dedicados a reverter baixa cobertura vacinal

Durante reunião do Programa Nacional de Imunização (PNI) em Pernambuco, a Sopepe informou que os pediatras associados atuarão como agentes ativos de defesa para reverter os baixos percentuais de cobertura vacinal do estado ou melhorar onde os índices estão em níveis aceitáveis.

De 6 a 31 de agosto haverá a Campanha Nacional de Vacinação contra poliomielite e sarampo e neste período haverá grande engajamento, com ênfase para o chamado dia D, 18 de agosto, que marca o Dia da Vacinação, uma mobilização em todo o país e, no caso de Pernambuco, pediatras deverão percorrer os locais de vacinação em todos o estado para contribuir com informações.

“Teremos um envolvimento dos colegas da Região Metropolitana e do interior, reforçando, inclusive a abordagem às famílias em relação à importância da vacina e para checar como está o cartão vacinal das crianças”, explica o presidente da Sociedade, o pediatra Eduardo Jorge Fonseca. A Sopepe deve fazer camisas reforçando a importância da vacinação para o período da campanha e, especial, para o Dia D.

Ele vai aproveitar o Encontro com Especialista, reunião científica agendada para 21 de julho, no Museu do Estado, como início das comemorações do Dia do Pediatra – que é 27 de julho -, para apresentar o plano e conseguir ampliar a adesão dos especialistas.

O compromisso assumido para participação efetiva dos pediatras de Pernambuco para melhorar as coberturas segue uma diretriz, também, da Sociedade Brasileira de Pediatria, que está incluindo a campanha como parte das atividades do Mês do Pediatra, entre julho e agosto.

No Encontro com o Especialista haverá palestras da gastropediatra Kátia Brandt, vice-presdente da Sopepe, e da nutricionista Lenycia Neri sobre as novidades da nutrição voltadas à pediatria.

Recent Posts

Leave a Comment